terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Clima: Tempo começa a esfriar a partir de quinta-feira (31)

A partir de quinta-feira (31) - último dia de 2009 - chega ao Sul de Santa Catarina uma frente fria para esfriar os ânimos dos mais encalorados. Segundo o Site Climatempo, as temperaturas irão cair bastante girando em torno de 17 a 25 graus, sendo que também haverá pancadas de chuva nestes dias. O tempo começa a melhorar novamente a partir de sábado (02/01) fazendo a temperatura máxima chegar perto dos 32 graus. Já domingo, mesmo com algumas nuvens predominando, o site indica que não choverá. No dia 06 de janeiro, feriado em Criciúma (Festa de Fundação da Cidade), a previsão é que a temperatura chegue até os 38 graus, com o céu parcialmente nublado, porém não chove.

Verão 2010: Balneário Rincão tem 100% de baneabilidade

A Fatma divulgou o quarto relatório de balneabilidade de Santa Catarina nesta quarta-feira. E pela somatória das análises anteriores, o Rincão foi considerado 100% próprio para banho. As amostras de água foram coletadas no último dia 21. E, em nove locais. Isto também inclui o arroio, entre a Lagoa de Jacaré e a Praia, apontado anteriormente como poluído. A constatação levou em conta a presença de bactérias comuns nas fezes de animais.

Em todo o Estado, foram apontados 34 locais impróprios para o banho entre 193 pontos analisados. A região Sul foi mencionada por quase metade deles. As irregularidades ambientais constatadas estavam na Lagoa do Ibiraquera, em Imbituba, Guarda do Embaú, em Palhoça, e em 14 pontos de Florianópolis.

ÁREAS VERIFICADAS NO RINCÃO: Lagoa do Faxinal, Lagoa dos Esteves, Lagoa dos Freitas, Lagoa do Jacaré e Praia do Rincão.


Foto: Caio Marcelo, Jornal da Manhã (Criciúma).
Fonte: Canal Içara

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Pássaros: Ninho de beija-flor chama atenção de pedestres em Criciúma



Quem olha a imagem acima não vai acreditar aonde ela foi tirada. Ainda mais quando o pássaro é um Beija-Flor que tem fama de não fazer ninhos em qualquer lugar. A foto foi tirada pelo repórter fotográfico Caio Marcelo, em uma rua super movimentada no Centro de Criciúma (SC). O Beija-Flor fez seu ninho e chocou seus ovos sem dar importância para o tráfego de pessoas e carros. O ninho foi construído em uma planta de decoração que fica localizada na calçada, mas para a família de passarinhos será a sua casa por alguns anos. Não vamos dizer onde é o local pois tememos que algum vândalo apareça e destrua este recanto da vida.

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Denuncie um envenenador!

Estamos montando todo o material para uma campanha via Web para conscientizar as pessoas sobre o perigo de envenenar animais. Queremos com isso, coibir a prática absurda de alguns devassos de largarem armadilhas para matar animais indefesos em Içara e região. Se você souber de alguém perto de sua casa que tem o costume de ameaçar os bichos, mande um E-mail para nós que iremos fazer o encaminhamento do caso para a Polícia e para a Prefeitura de Içara. Sua identidade será preservada!

Pescadores da região brigam por espaço

Por esta ninguém esperava. Existem pescadores no Sul de Santa Catarina que estão fazendo ameaças a outros, ou seja, estão proibindo pessoas de outras cidades o direito de pescar em suas orlas. Um caso ocorreu na Praia do Camacho, em Jaguaruna (SC), quando um grupo de pescadores de Içara – com carteira profissional que os habilita para a prática da pesca – tiveram suas redes e varas de pesca retiradas do mar por um grupo de mais de 20 homens, que afirmaram que “ali ninguém pesca além deles”. O caso virou Boletim de Ocorrência na Delegacia de Içara e deverá ser encaminhado para a Justiça. O mar é um bem de todos. Usado com sabedoria e com parcimônia todos tem o direito de pescar em qualquer praia, desde que, respeitem os períodos do defeso.

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Assassinos de animais estão IMPUNES em Içara!


Meu gatinho Mury (foto), de oito meses, foi assassinado. Morreu na última sexta-feira, dia 04, envenenado. Conforme as reações que ele teve o veneno possivelmente é um que as pessoas utilizam para matar ervas daninhas em seus quitais. Foi uma das cenas mais tristes de se ver. Um bichinho indefeso lutando para sobreviver.

Logo depois, mais ou menos uns 30 minutos, a irmãzinha dele, a Preta, também apareceu com os mesmos sintomas. Minhas pernas ficaram trêmulas quando eu a vi com diarreia, babando e com as perninhas moles. Meu Deus! Achei que iria perder os dois de uma vez só. Acho que eu me rasgaria tudo, gritaria, invadiria as casas da vizinhança, cometeria um ato insano!

GENTE IMUNDAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!

Os amigos dos animais, quem conheceu o Mury e que curte a Preta, estão juntos para descobrirmos estes malditos envenenadores. Em breve uma campanha para chegarmos naqueles que merecem nosso desprezo e PUNIÇÃO!


ENVENENADORES FIQUEM LIGADOS ESTAMOS CHEGANDO COM TUDOOOOOOOOOOOO!


Desabafo de,
Maíra Rabassa
Jornalista SC 1886
"Saudades do meu querido Mury!"

domingo, 6 de dezembro de 2009

Um desabafo climático


De olho na Natureza!

Que as mudanças climáticas já estão acontecendo no Sul do país não temos dúvida (SC e RS), porém o Brasil só fala no criminoso desmatamento da Amazônia, tanto os órgãos governamentais quanto a comunidade cientifica e ambientalista, com ampla cobertura da mídia. A impressão que se tem é que só o desmatamento da Amazônia é que emite CO², ignoram outras fontes sujas como a combustão e queima de combustíveis fósseis, que além de emitir gases efeito estufa emitem também gases prejudiciais à saúde pública.

Estes influenciam no desequilíbrio do clima, tanto quanto o calor emitido pelas termelétricas. Não consideram as tragédias do clima no Sul de SC que estão causando pânico na população, matando e destruindo, tanto em áreas urbanas quanto rurais, com enormes prejuízos materiais. Estamos participando de vários seminários, encontros e reuniões sobre mudanças climáticas em todo país, patrocinado por várias ONGs.

Outro dia comentei que o município de Araranguá – epicentro do furacão Catarina havia sido contemplado com três eventos climáticos de considerável magnitude num período de apenas 15 dias, como a segunda maior enchente da bacia hidrográfica do rio Araranguá, felizmente sem vítimas, uma chuva de granizo com pedras de sete cm de diâmetro e um inédito tornado na segunda quinzena de setembro, ou seja, uma semana antes do II EFAMuC.

A descrição não poderia ser mais trágica, considerando o sofrimento das pessoas atingidas e os prejuízos materiais, mas um comentário inapropriado ironizou que o município era o epicentro e que então tinha que se acostumar. Numa outra ocasião comentei da menina de treze anos que havia presenciado três eventos climáticos, iniciando com o furacão quando morava em Criciúma, depois três enchentes na Barranca e por último o tornado onde está morando no bairro Alto Feliz, quando um senhor inocentemente ironizou que então é ela que atrai o problema.

OBS. Se um vento repentino ou uma nuvem escura já é motivo de pânico na vida das pessoas que moram na região, imaginem então quando acontece o fenômeno! Não é qualquer ‘’ventinho’’ ou vendaval que vira dois caminhões numa rodovia como a BR-101 e não é qualquer ‘’ventinho’’ que provoca ondas de seis metros como acorreu no Pântano do Sul na Ilha de Florianópolis. Nenhum dos eventos do dia 19 de novembro foi previsto com a violência e gravidade que ocorreu no sul do país, entre Porto Alegre/RS e Florianópolis/SC e por fim anunciaram como vendaval, quando as características foram de furacão e ciclone extratropical.

Algo está errado com a eficiência da ciência da meteorologia, eventos como o do Catarina já causaram controvérsias na época, é preciso, portanto, buscar explicações com a geofísica e a oceanografia por exemplo. Estatisticamente a tendência é intensificar os eventos climáticos, porém não estão sendo adotadas medidas preventivas e a população não está preparada para uma adequada adaptação.

Realizamos o II Encontro de Fenômenos Naturais, Adversidades e Mudanças Climáticas da Região Sul, em 07 e 08 de Outubro, em Araranguá, e uma carta/manifesto foi lançada com as principais demandas, onde consta a elaboração de estudos mais profundos como forma de esclarecer a população que quer respostas as tragédias do clima e a criação de um Observatório do Clima em Araranguá.

AS POPULAÇÕES AFETADAS PELAS TRAGÉDIAS DO CLIMA CONTINUAM QUERENDO RESPOSTAS!!!


Por,
Tadeus dos Santos
Ambientalista e Colaborador do Blog
ONG Sócios da Natureza

Criciúma inaugura sua 1ª Estação Meteorológica e Hidrológica

A cidade de Criciúma ganha sua primeira estação meteorológica esta semana. Seus equipamentos medem temperatura do ar, precipitação, pressão atmosférica, velocidade e direção dos ventos, umidade relativa do ar, radiação solar e índice de radiação ultravioleta, entre outros. A estação é programada para enviar alertas a qualquer momento, em situação de risco de eventos extremos, como aconteceu semana passada (19). A obra é uma parceria entre a Unesc, Fundação do Meio Ambiente de Criciúma (Famcri), Conselho de Defesa do Meio Ambiente de Criciúma (Condema) e Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de SC (Epagri /Ciram).

Inundação
Foram instalados quatro pluviômetros nas nascentes do Rio Criciúma. Esses equipamentos atuam como leitores de precipitação e vazão de água. Eles são programados para emitir alertas, a qualquer momento, em situação de risco de inundação na cidade. Eles foram colocados no reservatório da Casan, no Morro do Céu; no antigo pátio de máquinas da prefeitura, às margens da avenida Centenário, no bairro Santa Bárbara; na Vila Olímpica e ao lado do edifício Millenium, na subida para o hospital São José.

Obra
A obra da estação meteorológica foi construída numa área de 591 metros quadrados, em forma octogonal. É composta por uma cinta de blocos de concreto e, no entorno, um alambrado de 1,5 metros de altura. Dentro desta área, bem como no seu entorno, foi plantado grama. No centro da figura geométrica, foram instalados a torre e o pluviômetro da estação.

Ciências Biológicas recebe doação de fósseis

O curso de Ciências Biológicas da Unesc acaba de receber doação de fósseis da PUC-RS (Pontifícia Universidade Católica) e UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul). Os animais e os vegetais em forma de pedra farão parte de uma coleção referência, que no futuro oportunizará ao curso atuar na área de Paleontologia.

200 milhões de anos
Segundo o professor de Paleontologia e autor do projeto, Cláudio Ricken, os fósseis de peixes são de idades variadas, de 150 milhões de anos até 30 mil anos atrás. Também há vértebras, pélvis (cintura), costelas de répteis que viveram na região de Santa Maria/RS há milhões de anos. Troncos mineralizados, folhas, sementes e árvores fossilizadas são exemplares da flora glossopiteris do Morro Bainha, vestígios de uma floresta que existiu na região de Criciúma há cerca de 200 milhões de anos.

Acervo
Estudantes da sexta fase do curso começaram a higienizar os fósseis e catalogar cada peça que fará parte do acervo da coleção. Num primeiro momento, os fósseis serão disponibilizados para as aulas práticas. No futuro, a comunidade poderá visitar as réplicas, que serão colocadas em exposição.

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Feira de Filhotes para adoção em Criciúma


Será realizada neste sábado (28/11) a 1ª Feira de Filhotes para Adoção, em Criciúma (SC). O evento será durante todo o dia, em frente ao Colégio São Bento. Será o dia inteiro e vai propiciar aos animais que não tem um lar, até mesmo os adultos, encontrarem um novo dono. A feira é uma organização da Ong SOS Vira-Lata. Para saber mais acesse o Blog: www.sosviralata.blogspot.com.

Novo colunista no Blog da Onda Verde


A partir desta semana, o Blog e Colunas da Onda Verde, irão contar com a parceria do ambientalista da região do Vale do Araranguá, Tadeu dos Santos. Ele vai escrever todas as semanas a coluna “De olho na Natureza” onde vai falar sobre vários temas relacionados às questões ambientais. Atualmente é coordenador da Ong Sócios da Natureza e conselheiro da CONAMA pela Região Sul (SC, PR e RS), no biênio 2009/2010. O primeiro tema será sobre o "Corredor Climático".

Barra do Rio Araranguá: Governo Federal assina contrato para liberação da verbas


Com o hall de entrada lotado a comunidade de Araranguá acompanhou a assinatura do contrato que vai viabilizar uma das obras mais comentadas e esperadas de município e Vale. O Governo Federal assinou convênio com a Prefeitura de Araranguá garantindo a liberação do total de R$ 26,6 milhões para a obra de fixação da Barra do Rio Araranguá. Com a contrapartida do município serão R$ 28 milhões de investimento em uma obra que vai permitir não só amenizar os problemas de cheias, mas também potencializar o turismo e a principal comunidade pesqueira, localizada em Ilhas.

A senadora Ideli Salvatti, líder do governo no Congresso, evidenciou que ao todo estão sendo liberados pelo PAC da Drenagem R$ 53 milhões no sul. “Acabamos de vir de Criciúma e pela manhã Tubarão. “São obras que vão solucionar problemas históricos nessas cidades. Grande parte de cunho regional, como é o caso da obra da Barra do Rio Araranguá”, enfatiza Ideli. Da mesma forma o deputado federal, Jorge Boeira, que articulou com a senadora Ideli Salvatti e o deputado federal Claudio Vignatti, junto a ministro Dilma Roussef, a garantia da verba a fundo perdido, e, não empréstimo ao município, como estava previsto anteriormente.

“A importância desta obra esta refletida nas décadas de reivindicação. Araranguá merece esse investimento e precisamos agradecer a sensibilidade do presidente Lula pela lioberação desta verba. Quando esteve em SC durante a enchente do ano passado no norte e vale do Itajaí, Lula ficou chocado com o que viu. Chegando em Brasília solicitou que fosse criado uma Programa de Macro Drenagem e hoje presenciamos o resultados dessa visita a SC com a assinatura entre prefeitura com a CEF. Não tenho dúvida que na história desse País nunca um presidente investiu tanto em SC e que nunca uma senadora, ou senador, conseguiu viabilizar tanto recurso para nosso Estado”, destaca Boeira.

Ele lembra ainda que a verba já está a disposição e será liberada conforme a execução da obra que agora depende da prefeitura agilizar as questões burocráticas para iniciar. “O importante é que o principal entrave, que é a verba para a barra, já foi garantida pelo Governo Federal, via Ministério das Cidades”, complementa Boeira.

Sandro Maciel, vice-prefeito de Araranguá destacou o momento como histórico. “Tenho muito orgulho de fazer parte dessa história. Não tenho dúvida que é uma das obras mais expressivas da cidade e a mais reivindicada na última década. É a geração formada pelo Campus da UFSC, outra obra importante para o município, que vai observar os benefícios que a barra vai proporcionar”, reflete Maciel.

Da mesma forma o prefeito da Cidade, Marino Mazzuco , que não conseguia esconder a felicidade do momento. “Nunca a cidade de Araranguá foi tão favorecida por um presidente ou por um Governo Federal como na gestão do Presidente Lula. São várias as obras realizadas na cidade. Essa é mais uma e que devemos nos orgulhar dessa relação, diz.

A importância da água para a Física e o Mundo



Física na Natureza

Essa semana irei dizer um pouco sobre a importância da água não só para a Física mas sim para tudo no mundo. Na Física temos vários estudo em conjunto com algo referente à água, como por exemplo, podemos calcular o quanto a Lua iria influenciar na maré de uma certa região. Não teria como escrever esse post e me limitar somente a Física, já que a água está em 75% do corpo humano ou em 97,61% do planeta em forma de oceanos e geleiras, onde 2,4% estão prontas para o consumo.

Então nas linhas seguintes não vou escrever o quanto a água é importante na Física e sim o quanto a Física pode ser importante para ajudar a situação que em breve iremos passar a escassez de água potável. Pois a água é importante para todos, Físicos, químicos Biólogos, Jornalistas e mais importante para aquele agricultor que faz a alface chegar a sua casa.

Já que temos 97,61% de água nos mares, temos um grande problema à água do mar não serve para consumo, pois todos sabemos que ela é salgada, então se criou uma Tecnologia chamada “dessalinizador de água” é uma tecnologia que converte a água salgada ou salobra em potável, empregando o processo de membrana osmótica sintética ou osmose reversa e usa um material muito corrosivo e em altas pressões e são equipamentos de custo relativamente alto. O processo de osmose reversa é conhecido desde o século passado, mas era utilizado em processos industriais na década de 60 e na década de 80 começou a usar as membranas semipermeáveis sintéticas, assim ampliando o campo de utilização desse processo, reduzindo o preço também.

Sempre buscando melhorar, nos anos recentes os avanços tecnológicos da biotecnologia buscam por águas de elevada pureza, também temos a consciência de preservação de meio ambiente, a escassez de água em vários locais do mundo pede por um processo de dessalinização mais barata. Existe uma nova tecnologia que utiliza a luz solar como fonte para dessalinizar a água salgada, foi desenvolvido um sistema que utiliza vácuo induzido por gravidade com energia solar, assim deixando de utilizar energia elétrica ou combustível fósseis, então resolveremos 02 problemas, tiramos o sal da água e economizamos combustíveis fósseis. Esse sistema é mais eficiente do que outros dessanilizadores que utilizam energia solar, além de ser simples e mais barato do que os normais e pode ser construído em qualquer lugar, já que não utiliza energia elétrica e sim solar.

O processo que é usado é o mesmo que a natureza executa, só que há uma aceleração nesse processo, pois a própria natureza possui o seu processo de desssalinização, a água evapora dos mares, formam as nuvens e cai em forma de chuva, no novo processo cria o natural com ajuda da energia solar e pressão atmosférica natural.

Assim terá água limpa e pura para o consumo. Espero que tenham gostado de mais essa coluna e não esqueçam de dar suas sugestões e de comentar, pois assim sempre iremos melhor para atender os nossos leitores.



Por,
Richard Douglas
Físico e Colaborador do Blog
E-mail:
richarddouglas001@gmail.com

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Espaço Cultural Unesc abre exposição Reciclando através da Arte


"Reciclando através da Arte" é o tema da exposição dos artistas Angélica Neumaier, Clóvis Ferrari e Rildo Batista, que abre nesta terça-feira (17/11) no Espaço Cultural da Unesc, no campus, das 9 às 22 horas. Selecionada pelo Edital de Exposições Temporárias 07/2008, a mostra fica aberta ao público até o dia 11 de dezembro. Visitas mediadas podem ser agendas pelo fone (48) 3431-2622 ou pelo e-mail cultura@unesc.net

Com a proposta de utilizar o lixo como arte, os artistas criaram obras reaproveitando materiais descartados. Clóvis usa fotolitos, gravuras, isopor, papel de bombons e balas para criar um colorido. A temática das obras é a retratação de janelas urbanas, ou seja, momentos do dia-a-dia, como o trânsito. Ele tenta passar a mensagem que, nas obras, estão subentendidos a questão do reaproveitamento, falando do próprio lixo e da falta de conscientização.

De acordo com o artista, a experiência de estar expondo novamente com Angélica e com Rildo está sendo muito gratificante. “Nós três nos formamos em artes em Santa Maria, mas com o tempo nos afastamos. Agora, estamos tendo a chance de trocar mais idéias, experiências e somar o que sabemos e gostamos de fazer: Arte”, salientou.

Angélica harmoniza materiais que iriam para o lixo nas obras. E Rildo utiliza de objetos que encontra na praia para criar uma espécie de bagunça, representando o mundo nos dias atuais. Angélia e Rildo são professores do curso de Artes Visuais da universidade.

SOS Mata Atlântica em Criciúma


A exposição itinerante “A Mata Atlântica é aqui”, uma iniciativa da Fundação SOS Mata Atlântica, estará em Criciúma de 18 a 22 de novembro, no estacionamento do Criciúma Shopping. Em um caminhão totalmente adaptado para atividades de educação e sensibilização ambiental, técnicos do projeto irão realizar atividades monitoradas com adultos e crianças (jogos e oficinas) e exibirão vídeos educativos. Apresentações artísticas e palestras também estão programadas. A visitação é gratuita e a Associação Protetora dos Animais de Criciúma (Apacri) e a Fundação Municipal do Meio Ambiente (Famcri) estarão presentes na exposição.

O projeto percorre o País com o objetivo de ampliar o conhecimento público sobre a Mata Atlântica, sensibilizar a população sobre a importância deste bioma e envolver todos na luta pela conservação por meio de atitudes práticas que possam ser aplicadas no dia a dia. O caminhão percorrerá 40 cidades brasileiras – sendo a maioria delas capitais.

Horário da exposição
Dia 18 – 11h às 16h
Dias 19 e 20 – 10h às 16h
Dias 21 e 22 – 14h às 20h

Já somam 355 as espécies da fauna catarinense em avaliação para a Lista Vermelha

A elaboração da Lista de Espécies da Fauna Ameaçadas de Extinção em Santa Catarina já alavanca números preliminares. Até agora, 355 espécies, dos 14 grupos de fauna, encontram-se em análise pelos pesquisadores que participam do trabalho. “A destruição dos “habitats” é uma das justificativas mais citadas para a possível inclusão de uma espécie na Lista Vermelha. Entretanto vai além. “Destruir a biodiversidade implica também em eliminar espécies que sequer conhecemos”, afirma a coordenadora executiva do projeto, Fabíola Schneider.

A Mata Atlântica é um bom exemplo. Santa Catarina é o terceiro estado com maior número de hectares neste bioma e nos últimos três anos perdeu uma média de 25.983 ha, Atualmente restam no Estado aproximadamente 17,5% de toda a área original, segundo pesquisas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais – INPE e Fundação SOS Mata Atlântica. A Lista Vermelha possibilitará ao Estado dispor de uma caracterização mais concreta da sua biodiversidade.

Todo trabalho tem como base os critérios da União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN), que desde 1963, é referência em assuntos voltados à conservação da biodiversidade. A etapa final ocorrerá em fevereiro do ano que vem, quando será realizado o IV Fórum de Discussão sobre as Espécies Ameaçadas. Neste encontro, a lista consolidada durante todo processo, será analisada por consultores, pesquisadores e especialistas, que avaliarão as propostas finais de cada coordenador. O projeto estará finalizado em julho de 2010 e a Lista Vermelha será entregue à FATMA para, posteriormente, ser submetida ao Conselho Estadual do Meio Ambiente (CONSEMA) para publicação.

Sobre a IGNISA
IGNIS Planejamento e In-Formação Ambiental, ONG fundada em 1997 com sede em Itajaí, é a entidade responsável pela execução do Projeto Lista de Espécies da Fauna Ameaçada de Extinção em Santa Catarina. O projeto iniciou em 2007, de forma voluntária, e atualmente agrega mais de cem profissionais de diversas universidades e institutos de pesquisa do país.

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Leitores tiram dúvida com nosso físico sobre "Física e Natureza"

Os leitores do Blog Onda Verde remeteram algumas perguntas para o nosso colunista, Richard Douglas, da "Física e Natureza", sobre o último post referente a Diferença entre Raios, Trovões e Relâmpago. Abaixo as respostas para os nossos blogueiros. Se você tiver alguma dúvida, nos remeta um E-mail (ondaverde2008@gmail.com) que vamos buscar as informações que você precisa:


Tenho uma dúvida: o crescimento das metrópoles tem influenciado de alguma forma a ocorrência de raios em ambientes urbanos? E se o pulso magnético do que o raio provoca, pode influenciar nas ondas de rádio? E como aconteceria essa influência, se houver e claro!
(Daniel, cometário post)

Richard: A resposta da 1º pergunta do Daniel é “sim”, infelizmente com o aumento das metrópoles a incidência de raios tem aumentado, por vários fatores. O principal é que como as grandes Metrópoles possuem grandes e altos prédios e nesses prédios possuem vários para raios, por isso que hoje os grandes prédios são obrigado s usarem para raios. Por que em uma tempestade de raios, esses prédios que serão atingidos, o raios querem percorrer menos espaço até o chão, então vamos dizer que para o raio atingir o chão é mais fácil ele atingir um prédio de 30 andares (± 90 metros) do que o próprio chão ou uma árvore no chão. Outro fator só que não menos importante é a poluição, isso mesmo existe um estudo do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) apontou que a incidência de raios em São Paulo aumentou cerca de 60% nos últimos 50 anos, então quanto maior a cidade maior a poluição que ela causa, assim ela irá sofrer com mais incidência de raios. A resposta da segunda pergunta também é “sim” os raios podem interferir nas ondas de rádio, vai depender da freqüência da onda, se for a mesma da onda de radio, vai interferir sim. As ondas eletromagnéticas são umas combinações de um campo elétrico e de um campo magnético que se propagam simultaneamente através do espaço transportando energia. Por isso se exige que os equipamentos de telecomunicações sejam isolados, principalmente as estações de rádio-base.

A propósito, é verdade o que dizem que estamos protegidos dentro do carro, devido aos pneus de borracha???
(Cris, cometário no post)

Richard: Sim Cris o carro protege a pessoa que se encontra em seu interior de um raio, por causa de seus pneus que são de borracha, esse acontecimento se chama “Gaiola de Faraday” Faraday comprovou que as cargas elétricas se concentram no exterior do objeto e como você está dentro do carro, assim fica protegida dessa carga elétrica. Quem nunca parou no posto de gasolina e já viu um caminhão tanque parado abastecendo o posto com gasolina, uma curiosidade interessante é que nos estados que possuem um clima muito seco, apenas o simples deslocamento do carro em atrito com o ar, faz ele se carregar eletrostaticamente, assim quando você vai descer do carro, leva um leve choque. Uma das medidas de segurança do caminhão tanque é o seguinte, quando ele para em um posto de gasolina ele puxa um fio do caminhão e conecta-o no chão e espera alguns segundos, assim todas as cargas que estão no caminhão irão para o chão instantaneamente, formado um “fio terra”, outro exemplo e quando se está viajando pelas estradas e passa um caminhão pelo seu carro e atrás dele tem várias correntes empenduradas encostando-se ao chão, tudo isso para descarregar essa eletricidade. Tem certa diferença em se receber um raio atmosférico no carro e um fio elétrico cair em cima de seu carro, digamos que você bateu o carro em um posto e um fio de alta tensão caiu em cima do carro, aquela eletricidade não irá se dissipar, pois ela está sendo alimentada por cabos de energia, então se isso acontecer fique dentro do carro e espere ajuda de pessoas especializadas, como bombeiros e serviço de resgates especializados.

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Qual a diferença entre Raios, Relâmpagos e Trovões?


Física na Natureza!

Semana passada estava saindo de casa e o tempo estava chuvoso e cheio de nuvens. De repente vi a formação de um Raio nas nuvens percorrendo vários espaços no céu, seguindo de um forte estrondo. Pensei: Esse será o tema de minha próxima coluna no Blog “Onda Verde”. Aqui irei explicar um pouco as diferenças entre raios, relâmpagos e trovões e como se proteger deles quando você estiver no campo ou até mesmo na cidade.


O Raio
É uma manifestação da natureza que acontece na colisão de nuvens com cargas opostas ou entre nuvens e solo quando há um diferencial de polaridade. Isso ocorre na superfície da nuvem ou do chão, assim sendo nuvem-solo ou solo-nuvem e na maioria dos casos em que o raio é nuvem-solo essas descargas são negativas. Em média um raio possui: 125 milhões de volts, 200 mil ampéres e 25 mil graus centígrados, lembrando que isso é somente uma média não significa que todos os raios terão essas cargas.

O Relâmpago
É a visualização do raio, manifestado pelo feixe de luz que se vê cortando o céu, acontece que a radiação eletromagnética emitida quando elétrons se excitam por causa da energia elétrica. Quando ocorre o raio entre nuvens e o solo a luz é gerada de baixo para cima.

O trovão
Constitui em uma onda sonora provocada pelo raio ao colidir no solo ou até mesmo quando uma nuvem carregada de partículas positiva se colide com outras contendo partículas negativas, assim provocando o raio e em seguida tem a parte audível que é o trovão. Assim os raios geram duas ondas, a que vem antes será uma violenta onda de choque supersônica, com velocidade superior a do som, este barulho todo o ouvido humano não consegue captar. A seguinte é uma onda sonora de grande intensidade e que percorre grandes distâncias.

Como nos proteger desses raios? Há várias dúvidas sobre isso, então vamos lá:

1) Quando houver uma tempestade com muitos raios é recomendado a não sair de casa e ficar na rua, pois há pouca chance de você ser atingido por um raio, mas isso não significa que você não possa ganhar na loteria, mas mesmo ficando em casa não se devem usar telefones, nem mesmo os sem fio, não abrir portões metálicos, também se recomenda que se devam desligar os eletrodomésticos das tomadas.

2) Agora se por algum motivo você não pode ficar fora das ruas, evite segurar qualquer material metálico, como guarda-chuvas e varas metálicas, muito menos soltar pipas ou muito menos nadar. Pessoal se vocês estiverem acampando e tiver um rio próximo e começar a chover não fique dentro da água, pois a água é um ótimo condutor de eletricidade como todos nós já sabemos.

3) Temos algumas opções de abrigos caso você seja pego em meio a uma tempestade, como prédios, abrigos subterrâneos, mas não use uma barraca de camping como abrigo, pois dependendo de sua forma ela pode servir como pára-raios ou árvores isoladas ou morros, prédios, áreas abertas ou com muitos metais em volta ou perto de linhas de energia elétrica.


Espero que vocês tenham gostado desta coluna! Sintam-se à vontade para comentar e mandar sugestões para as próximas!


Por,
Richard Douglas
Físico e Colaborador do Blog
E-mail
richarddouglas001@gmail.com
Twitter: Andarilho_

domingo, 1 de novembro de 2009

Clima: Banhistas aproveitam o sol e lotam praias do Sul de SC


Quem compareceu no Rincão para aliviar o calor deste sábado, pôde se banhar tranquilamente. Um relatório divulgado pela Fatma antes do feriadão apontou 100% de balneabilidade no litoral do distrito içarense. Foram analisados nove pontos. E nem mesmo nas proximidades do arroio foram constatadas anormalidades que pudessem proibir o refresco a beira-mar. Num universo de 193 amostras coletadas no Estado, 55 locais acabaram apontados como impróprios para banho. Nesta lista de alerta, estão, por exemplo, Arroio do Silva, Passo de Torres e Garopaba.


Fonte:
Site Canal Içara (Lucas Lemos)

Animais: O sapo da May!

Um dia falando com um de nossos leitores, o Ricardo Chicuta - blogueiro e twitteiro - ficamos lembrando de bichinhos que quando éramos crianças era comum de vermos pelas ruas. Como vaga-lumes, besouros, grilos, gafanhotos, saíras (passarinhos), beija-flor, e entre eles eis que surge o sapo. Segundo Ricardo, por muito tempo ele não via mais nas ruas de Criciúma (SC) o tal anfíbio que era muito comum nos nossos tempos de criança.

Mas, eis que algo inusitado acontece: Ricardo achou um SAPO! Tudo bem que foi no Dia das Bruxas - o que dá um clima a mais para sua descoberta - mas o que importa é que achou, e em Criciúma. E para não perder o momento ele gravou um vídeo e nos mandou. E achei muito interessante postar aqui, para mostrar que nem tudo está perdido no Reino Animal, nem que seja um "simples" sapo.

Obrigada Ricardo! E sempre que achar um bichinho diferente e achar que poderá gravar nos mande que iremos postar sempre!


Por,
Maíra Rabassa
Jornalista SC 1886
Editora do Blog


* Se você tiver algum vídeo de animais que nunca mais viu pelas ruas, ou algum muito diferente que realmente você nunca viu na vida, nos remeta que iremos publicar com muito gosto
!

video

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Clima: Feriadão de calor e tempo estável em SC

Previsão de forte calor e tempo estável, aliado a um campeonato de surfe, devem levar um público recorde neste semestre ao Balneário Rincão neste sábado. “A temperatura máxima deve oscilar em Criciúma entre 36 e 38 graus e as chances de nuvens são restritas apenas ao domingo”, garante o climatologista Homero Haymussi, da Climaterra. Uma eventual virada no tempo fica por conta do feriado de Finados, observa Homero. “A chegada de mais uma frente fria entre a tarde e a noite de segunda-feira cria condições para chuva, com riscos potenciais devido à temperatura muito elevada”, adverte. “Na terça, já teremos temperaturas amenas.”


Fonte:
Site Climaterra
Site Engeplus

Mascote da Unisul morre atropelada e deixa 11 filhotes


Mascote da Unisul de Araranguá, uma cadela vira-lata morreu atropelada por um veículo diante da universidade no domingo (25) passado e deixou 11 filhotes. Há dois dias, os cachorrinhos, que nasceram no início deste mês, não são amamentados. Quem tiver interesse em adotar, ou até doar algum tipo de alimento, como leite, pode entrar em contato com Marilúcia pelo 9906 4872 ou mari941@hotmail.com. Adote um cachorrinho. A Natureza agradece!

Para ver mais fotos destes filhotinhos lindos
acesse aqui!


Fonte:
Site Engeplus (Ariadne Niero)

Vira-latas "Bob" precisa de um novo lar


A família canina na casa de Suamy Fugita, moradora da Operária Nova, não para de crescer. Com grande amor pelos bichos ela recolhe animais de rua e possui atualmente 12 cachorros. Bob que foi adotado doente, foi tratado e hoje goza de perfeita saúde, brinca a dona. “Infelizmente não podemos ficar com ele pois no último final de semana nasceram sete cachorrinhos de uma cadela abandonada que recolhemos recentemente”, conta.

Macho de porte médio/grande, cor caramelo, olhos cor de mel, ele é descrito como muito dócil, brincalhão, forte, porém calmo. “Ele passa o dia olhando a paisagem e é muito educado”, revela Suamy sobre suas características. Quem tiver interesse em adotar o Bob pode entrar em contato pelos telefones 9917.9324 ou 9994.6649.


Fonte:
Site Engeplus (Daniela Niero)

Albatroz é encontrado morto na orla do Balneário Rincão (SC)


Depois dos pinguins, lobos-marinhos e peixes, a morte de aves converteu-se no mais recente mistério na beira-mar do Balneário Rincão. A bola da vez é o albatroz-de-nariz-amarelo, segundo identificação realizada pela bióloga Kelly Cristina Minotto Bom, da Unidade de Zoologia da Unesc. Adaptada ao alto mar entre as zonas meridionais da África e da América, a ave é conhecida também por albatroz-de-bico-amarelo-do-Atlântico, revela Kelly. “Ela tem um bico mais largo do que as fragatas e trata-se, infelizmente, de mais uma espécie em extinção.” Na orla, a quantidade de pinguins mortos também chama a atenção.


Para ver mais imagens
clique aqui.


Fonte:
Site Engeplus


Exposição na Unesc utiliza lixo como matéria-prima

“Reciclando Através da Arte” é o tema da exposição dos artistas Angélica Neumaier, Clóvis Ferrari e Rildo Batista, que abre terça-feira (3/11) no Espaço Cultural da Unesc, das 9 às 22 horas. Com a proposta de utilizar o lixo como arte, os artistas criaram obras que expressam suas ideias. Clovis por exemplo, usa fotolitos, gravuras, isopor, papel de bombons e balas para criar um colorido. Já Angélica harmoniza materiais que iriam para o lixo nas obras. E Rildo utiliza de objetos que encontra na praia para criar uma espécie de bagunça, representando o mundo nos dias atuais. A mostra fica aberta ao público até o dia 29 de novembro.


Fonte:
Assessoria de Imprensa (Janete Trichês)
Colaboração: jornalista Fabricia Peligrin/Portal Engeplus

Clipagem: Coluna do Jornal Agora com novo lay out


A partir desta sexta-feira (30) a coluna do Blog Onda Verde, no Jornal Agora (Içara-SC), que já estamos juntos nas causas ambientais a mais de um ano, conta com um novo lay out. Destacamos o nome do blog para deixar mais claro na memória das pessoas sobre os temas do Meio Ambiente. Além disso, apresentamos a nossa nova coluna sobre "Física e Natureza", por responsabilidade do físico, Richard Douglas, além de outros temas. Acesse o site do Jornal Agora e confira.

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Climatologista Ronaldo Coutinho ministra palestra em Seminário de Educação Ambiental

Mudanças climáticas é o tema que o climatologista Ronaldo Coutinho irá abordar nesta sexta-feira (30), durante o Seminário de Avaliação do Projeto de Educação Ambiental do Sindicato da Indústria de Extração do Carvão do Estado de Santa Catarina (Siecesc). O evento ocorrerá no auditório da Associação Empresarial de Criciúma (Acic), a partir das 13h30min. Professores de escolas públicas e particulares das regiões Amrec e Amesc participarão do Seminário, que tem como objetivo avaliar a contribuição do projeto durante o período letivo de 2009 e levantar sugestões para o próximo ano. Segundo a coordenadora pedagógica do projeto, bióloga Regina Freitas Fernandes esse encontro é de grande valia, pois verifica de que forma o projeto contribui para as atividades de educação ambiental nas escolas, além de servir como planejamento das atividades para o próximo ano. Aproximadamente 200 professores estão inscritos para participar do evento.


Fonte:
Assessoria de Imprensa (Joice Quadros)

Já estamos no ar! Acesse o Içara News!


A partir de hoje o Içara News conta com mais um colaborador para agregar às informações cotidianas do site: a Coluna Onda Verde. Uma edição periódica das notícias que são divulgadas no Blog Onda Verde, por um grupo de colaboradores sensíveis às causas ambientais. E a coluna tem uma proposta dinâmica: fazer com que o leitor seja seu principal "pauteiro", afinal todos temos que fazer a nossa parte para garantirmo sum futuro melhor, para nós, e para o mundo em que vivemos. Acesse, comente, participe! Entre nessa Onda, a natureza agradece!


Por,
Paula Leitão
Jornalista e Colaboradora do Blog
Editora do Içara News

Blog Onda Verde agora também no site Içara News


Para nós da equipe do Blog Onda Verde é uma grande honra agora contarmos com um espaço em um site de notícias que já está com o espaço garantido no município de Içara e região. Ficamos muito gratificados em podermos levar para os leitores do Içara News informações sobre temas ambientais que nem sempre recebem o devido valor que merece da sociedade. Neste espaço vamos trazer temas interessantes e vamos contar com os leitores deste espaço para nos remeter informações, denúncias e assuntos que gostariam que nós abordássemos. Desta forma, poderemos a cada dia abrir mais mentes para um assunto que é muito delicado e merece o nosso respeito. Entre nesta Onda e faça a sua parte! A Natureza agradece!


* Nossos agradecimentos ao apoio de nossa colaboradora de amiga, a jornalista Paula Leitão, que sempre acreditou na causa!


Por,
Maíra Rabassa
Jornalista Diplomada (SC 1886)
Editora do Blog

Meio Ambiente: MPF aponta 181 pontos monitorados sobre passivos da mineração do carvão na Região Sul de SC

Apresentar de forma sintética os principais pontos do 3º Relatório de Indicadores Ambientais do Grupo Técnico de Assessoramento (GTA) e colher opiniões da sociedade. Este é o principal objetivo da Audiência Pública que aconteceu no auditório da Amrec, na noite desta quarta-feira (28). Durante a Audiência, foram divulgadas pelo Ministério Público Federal (MPF) e pelo Sindicato da Indústria de Extração de Carvão do Estado de Santa Catarina (Siecesc), informações do 3º Relatório para acompanhamento da sentença, resultado da Ação Civil Pública nº 93.8000533-4, proposta em 1993, que determinou a recuperação das áreas de depósitos de rejeitos, áreas mineradas a céu aberto, minas abandonadas e dos recursos hídricos das bacias hidrográficas dos rios Tubarão, Urussanga e Araranguá.

O GTA reúne representantes do MPF, União, empresas e órgãos importantes para o processo de recuperação ambiental. Segundo o assessor Técnico do Siecesc, engenheiro de Minas Cleber Gomes, foram incorporadas no 3º Relatório informações relativas a 20 campanhas de monitoramento de águas superficiais, seis novos poços de monitoramento de recursos de águas subterrâneas e ainda a segunda campanha de monitoramento da cobertura do solo. O material detalha as áreas impactadas e mostra aquelas em recuperação, e ainda delineia o envolvimento das empresas. “Foram apresentados também os resultados dos monitoramentos do meio biótico, que começaram a apresentar o reflexo das ações de recuperação na fauna e na flora”, explica.

De acordo com Cleber Gomes, o GTA buscou deixar o material mais elucidativo e claro, para que as pessoas o entendam. Com relação aos avanços, o engenheiro comenta que o principal é o monitoramento da cobertura do solo. “Está saindo a segunda campanha neste relatório. Comparado com a primeira, temos ideia da evolução”, afirma. Outro ponto positivo, segundo o engenheiro, é referente às chamadas áreas órfãs, que praticamente não existem mais. “Mais de mil hectares já foram destinadas à recuperação ambiental, que será executada pela União”, comenta Gomes.

Neste relatório, os levantamentos foram aprimorados com maior riqueza de detalhes. O engenheiro explica que as classes de cobertura do solo foram divididas em urbanizada industrial e urbanizada residencial. O que era chamado anteriormente de revegetação foi separado em vegetação espontânea, vegetação introduzida (fruto do projeto) e remanescente florestal. Estas duas últimas totalizam praticamente 60% da cobertura do solo. Atualmente, existem 30 bocas de minas com monitoramento da drenagem ácida e 11 unidades de tratamento em operação, divididas entre as empresas. Segundo Gomes, com relação ao monitoramento de água subterrânea, “dos 37 projetos, temos 11 já executados. No próximo relatório este acompanhamento será por distrito, tendo uma resolução melhor”.

O 3º Relatório de Indicadores Ambientais foi entregue ao juiz Marcelo Cardozo da Silva e ao MPF, no mês de setembro. O material foi disponibilizado pelo juiz para avaliação popular e também encaminhado para os comitês de bacias. O relatório na íntegra está disponível desde o dia 19 de outubro no site
www.prsc.mpf.gov.br.

GTA totalizou 181 pontos de monitoramento nas três bacias

Os números das campanhas de monitoramento apresentadas no 3º Relatório foram as seguintes: 20 campanhas de recursos hídricos (rios); duas de bocas de minas e mais duas campanhas de águas subterrâneas. Na bacia do rio Araranguá foram 69 pontos de monitoramento no rio, 16 em bocas de minas e cinco pontos de água subterrânea.

Em Urussanga, foram 34 pontos no rio, seis em bocas de minas e quatro em águas subterrâneas. Na bacia do rio Tubarão foram 34 pontos no rio, oito em bocas de minas e dois em águas subterrâneas. No total, foram 140 pontos em rios, 30 em bocas de minas e 11 em águas subterrâneas, totalizando ao final 181 pontos de monitoramento nas três bacias. “Fizemos a análise de todos os pontos, integramos ao impacto e apresentamos um diagnóstico sucinto”, finaliza Cleber Gomes.


Fonte:
Assessoria de Imprensa (Joice Quadros)

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Vigilância Sanitária de Içara (SC) inutiliza mais de 600 kg de produtos irregulares


Responsáveis pela Vigilância Sanitária do Município de Içara realizaram na manhã desta segunda-feira, 26, a inutilização de mais de 600 kg de alimentos apreendidos em operações de fiscalização realizada no município de Içara. Os produtos foram enterrados no aterro sanitário Santech. De acordo com o coordenador da Vigilância Sanitaria, Gilmar Ghislandi, as razões que levam a este tipo de apreensão vão desde a falta de registro do produto nos órgãos competentes até a data de validade esgotada. “O armazenamento em temperaturas e locais inadequados também são fatores que levamos em consideração ao realizarmos operações deste gênero”, ressalta.


Por,
Paula Leitão
Jornalista e Colaboradora do Blog
Fonte: Içara News
Fonte/Foto: Assessoria de Imprensa Prefeitura de Içara

MPF apresenta relatório de passivos da mineração na região Sul de SC


Situação das áreas degradadas pela mineração será apresentada pelo Ministério Público Federal, na próxima quarta-feira, em Audiência Pública realizada pelo órgão. Na ocasião será divulgado o relatório do andamento dos processos de recuperação das áreas degradadas pela mineração em toda região carbonífera. A ideia é demonstrar a realidade atual: o que piorou, melhorou ou não foi alterado, e as novidades, como o acerto com a CSN para recuperação das áreas do Poço 8 e Poço 10, em Içara, que ainda estavam em discussão sobre a "paternidade" do projeto.

O procurador Darlan Dias (foto), responsável por comandar o evento, disse que há muitos dados impressionantes, tantos positivos quanto negativos sobre os processos de recuperação, e salientou o empenho da CSN, uma das empresas acionadas que mais tem se agilizado nessa questão, até em função do extenso passivo sob sua responsabilidade na região. O evento será o Auditório da Amrec, a partir das 19 horas, e toda população da região está convidada.


Por,
Paula Leitão
Jornalista e Colaboradora do Blog
Fonte: Içara News

Estudantes de Ciências Biológicas visitam projetos Mexilhão e Tamar Sul


Estudantes da quarta fase da disciplina de Zoologia III do curso de Ciências Biológicas Bacharelado, acompanhados da professora Morgana Cirimbelli Gaidzinski, visitaram o projeto Tamar Sul e o Laboratório de Moluscos Marinhos, em Florianópolis. O Projeto Tamar trabalha a conscientização e a sensibilização da pesca industrial e artesanal no litoral sul do país, quanto à necessidade de preservar as tartarugas marinhas. Já o Laboratório de Moluscos Marinhos, segundo a professora, fez de Santa Catarina o maior produtor nacional de moluscos bivalves marinhos, gerando emprego, renda e resultados sociais percebidos na melhoria da qualidade de vida e na fixação de comunidades tradicionais nas regiões litorâneas.


Fonte
Assessoria de Imprensa (Janete Trichês)

Dicas: Conheça os principais sintomas das doenças nos felinos


As doenças dos gatos são bem menos conhecidas que as de cachorro, mas não é por isso que são menos importantes. Quando o quadro de vacinação é respeitado, ele previne de doenças tais como:

Panleucopenia Felina
Extremamente contagiosa. Suas principais características são febre, perda de apetite, vômitos e diarréia. Os vírus são eliminados pelas fezes dos animais doentes e o contato se dá pelo contato direto do animal com fezes, gaiolas infectadas, roupas, animais doentes, etc. É mortal, principalmente em filhotes.

Rinotraqueíte Felina
É uma enfermidade respiratória altamente contagiosa. Caracteriza-se por espirros, perda de apetite, febre e inflamação nos olhos dos gatos. Com a evolução da doença, observam-se corrimentos oculares e nasais, evoluindo para a pneumonia.

Calicivirose Felina
É outra séria infecção respiratória dos gatos. Os sinais da infecção são febre, falta de apetite, e corrimento nasal, mas gatos infectados também podem apresentar úlceras na língua.

Clamidiose Felina
Também uma infecção respiratória, que afeta mais os olhos do animal, causando conjuntivite e rinite. Ela é uma zoonose e isso significa que humanos também podem se infectar com essa doença.

Raiva
Doença viral muito séria , que afeta animais de sangue quente, incluindo o homem. O animal ou pessoa que contrai a doença e chega a manifestar os sintomas invariavelmente morrem. O vírus ataca o sistema nervoso do animal, levando- o a alterações de comportamento como fúria, ou calma excessiva, olhos fixos e inexpressivos, salivação excessiva e aberrações do apetite, podendo também ocorrer paralisia. O principal transmissor da raiva no meio urbano é o cão, embora o gato também o faça. A transmissão do vírus se dá através de mordidas (saliva).

Todas essas doenças têm vacinas e elas são dadas anualmente em adultos.


Por,
Bruna Soratto
Acadêmica e Colaboradora do Blog

O perigo que a Torianita pode trazer para você?


Física na Natureza


A Torianita (imagem acima) é um minério radioativo que possui uma grande porcentagem de Urânio em seu composto químico. Material esse que o Brasil possui em abundância em uma das maiores jazidas do mundo e é vendido livremente pelas ruas do Amapá na região Oeste do Estado, dentro da Floresta Amazônica. A Torianita é altamente radioativa e que pode ser usada na fabricação de bombas atômicas. Pela lei, a Torianita e outros materiais radioativos só podem ser extraídos pelo Governo Federal, mas não é isso que acontece na região Oeste do Amapá.

As Indústrias Nucleares do Brasil (INB) não sabem dizer o quanto existe desse material no Brasil, só sabe dizer que possuímos uma das maiores quantidades desse material do mundo. No dia 04 de outubro, um dos maiores Jornais de Domingo, fez uma matéria sobre a Torianita, eles com uma câmera escondida fizeram o contato com uma das pessoas que vendem esse material pelas ruas do Amapá, onde essa pessoa diz que se o repórter o quisesse, poderia conseguir oito (08) toneladas do produto. Isso mesmo pessoal! Oito mil quilos desse material radioativo e que causa grandes danos à vida humana.

A Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN) estima que em oito toneladas desse material podem ser extraídos 640 quilos de Urânio, que como já foi dito, podem ser usados na fabricação de bombas atômicas. Em cada quilo de Torianita, 73,7 % são de Tório e 7,9% é de Urânio puro, só que para você fazer essa divisão é necessário um alto custo, mas no final se torna muito barato, pois é uma forma de você conseguir Urânio de forma fácil e barata. O controle de Urânio no mundo é feito por organizações Mundiais. Esse mesmo Jornal que já foi mencionado nesta coluna, teve acesso a um inquérito aberto pela Policia Federal.

O que é preciso para fazer uma bomba atômica?

1) Você precisa de tecnologia avançada e uma grade quantidade de Urânio. Para se comprar Torianita no Amapá é simples. É somente saber a quantidade que se quer, ter dinheiro e os contatos certos. Que o material será levado por barcos até grandes distâncias da costa Brasileira e ninguém sabe ao certo aonde essa Torianita irá parar.

Para onde iria essa Torianita Brasileira?

1) Essa é uma das perguntas mais perigosas a serem respondidas, pois ao invés do Governo Federal estar preocupado com a Copa de 2014, que será aqui em Brasília (DF), deviam se preocupar com esse contrabando de material radioativo, material esse que pode parar por exemplos em Países do Oriente Médio.

Uma vez um físico famoso disse assim - “Não sei como será a terceira guerra mundial, mas sei como será a quarta: com pedras e paus”, (Albert Einstein). Na verdade ela sabia sim, pois ele suspeitava e temia que a 3º Guerra Mundial seria regada a Bombas Nucleares e a armas químicas. Às vezes a bomba que irão provocar essa guerra terá Urânio Brasileiro.

Então caros leitores, aqui foram apresentados um pouco sobre a Torianita, materiais que pode ser encontrado na natureza, então tomem cuidado com o que se acha na natureza, pois ela é bela, mas também pode prejudicial à saúde.


Por,
Richard Douglas
Físico e Colaborador do Blog

Dicas: Como proteger o seu felino? Vacinando-o!

Além dos cuidados básicos com seu felino, um cuidado indispensável (que garantirá a saúde dele e a sua) são as vacinas. Além disso, enquanto não levá-lo ao veterinário, mantenha-o longe de outros bichinhos, caso contrário poderá contaminar-se. Clique na imagem abaixo para ver como funciona o processo de vacinação:


Por,
Bruna Soratto
Acadêmica e Colaboradora do Blog

domingo, 25 de outubro de 2009

Blog vai contar coluna sobre Física para explicar os mistérios da Natureza


A partir desta semana vamos contar com um colaborador muito interessante. Tudo o que temos no mundo existem cálculos que explicam a sua existência. E é com a Física que poderemos entender algumas coisas que muitas vezes temos dúvidas se são verdadeiras ou não. O adacêmico e formando em Física, Richard Douglas (foto acima), da Universidade Católica de Brasília (DF), vai nos trazer toda a semana um tema interessante sobre este mundo que por muitos ainda é desconhecido.

Com uma linguagem de fácil compreensão, já que muitos sempre se complicam com a matéria na escola, o físico de 26 anos, conta que se identifica com a Física Nuclear e Robótica. "O que me encanta na Física é saber como as coisas funcionam e que vai além do que se pensa", explica Richard. Então, não percam no link "Física na Natureza" os artigos que irão levar a um mundo que nunca imaginou estar antes! E para começar esta semana o físico irá explicar o que é a tal "Torianita".

Saiba mais:

Física Nuclear: A parte da Física que estuda a parte de material radiotivo que tanto pode ser usado para fazer Ogivas Nucleares e aparelhos da medicina moderna.

Robótica: É a junção de várias áreas como Física, Eletrônica, Informática e Matemática na construção de robôs para diversas funções.



Contatos do colunista:
E-mail
richarddouglas001@gmail.com
Twitter: Andarilho_

sábado, 24 de outubro de 2009

1º Fashion Dog atrai apaixonados por cachorros


Apaixonados por cães tiveram uma tarde diferente no sábado (dia 24). Donos cãezinhos desfilaram com seus animaizinhos do 1º Fashion Dog, no Criciúma Shopping. O primeiro dia do evento contou com a participação de cachorros de menor porte, que concorreram a troféus e medalhas nas categorias cão mais obediente, mais simpático, fashion e o mais parecido com o dono. O concurso e a feira de produtos e serviços de pet shops e agropecuárias continuará no domingo, a partir das 14 horas. Nesse dia, os cães maiores desfilarão. Os interessados também poderão adotar animais.

Os vencedores da tarde de sábado foram: Madalena, na categoria cão mais obediente; Charlotte (1º lugar), Banzé (2º lugar) e Penélope (3º lugar) foram os cães mais simpáticos; Elvis (1º lugar), Yohanna (2º lugar) e Brigitte (3º lugar) foram julgados como os mais fashion do evento. Já Brenda foi a cachorrinha mais parecida com o dono, ficando o segundo e o terceiro lugar para Bibau e Igor, respectivamente.

Para ver mais fotos do desfile acesse aqui!



Fonte:
Assessoria de Imprensa (Milena Nandi)
Fotos:
Site Rádio Criciúma

Clima: Risco de vendaval em Santa Catarina neste domingo (25)

O tempo neste domingo (25) e segunda-feira (26) não vai ser um dos melhores para Santa Catarina. Segundo o agrônomo e climatologista, Ronaldo Coutinho, da Climaterra, uma frente fria que está vindo do Rio Grande do Sul vai ocasionar chuvas fortes, temporais, ventanias e granizos em diversos pontos, principalmente no Centro-Oeste e Noroeste do Estado. Nas outras partes de SC o dia será bom, com o predomínio do sol, mas poderá causar chuva com trovoada no início da manhã em diante.

No decorrer da manhã de domingo a região Oeste vai ficar com o céu nublado, com chuva e trovoada. As demais localidades a chuva tende a vir mais no começo da tarde/noite com a mesma intensidade. A temperatura no Litoral e Nordeste será bem alta. A mínima será de 10 a 12 graus (região de São Joaquim) com máxima de 33 a 35 graus (Litoral e Baixo Vale do Itajaí)

O climatologista alerta também que existe o risco de temporais fortes (potencial de danos) com a ventania intensa de curta duração (acima de 80 a 100 quilômetros por hora), granizo e chuva muito forte localizada, especialmente no Oeste e Centro de SC, com menor chance nas demais áreas.


Fonte:
Site Climaterra

Pescadores puxam rede com 20 toneladas de peixe em Arroio do Silva (SC)


Pescadores de Balneário Arroio do Silva pescaram 20 toneladas de corvina na tarde desta quinta-feira, dia 22, na Praia da Meta. “Colocamos a rede por volta de 14 horas, iniciamos a retirada às 17 horas e fomos abençoados com este cardume de corvina. Fazia anos que isso não acontecia”, relatou o vereador e pescador José Lourenço, o Zé Gadelha. Os amigos dele Nei e Daniel, parceiros da rede, também comemoraram a fartura do pescado. Enquanto a rede era retirada do mar, pessoas e curiosos chegavam ao local para ajudar e receber peixe como recompensa. O pescado foi comercializado com uma empresa do ramo, que fica localizada em Arroio do Silva.




Fonte:
Site Contato Net

China constrói edifício 'mais verde' do mundo


Aquele que pode ser o edifício mais ecologicamente correto do mundo está sendo construído na cidade de Guangzhou, na China. De acordo com os arquitetos responsáveis pela construção, o edifício Pearl River Tower será capaz de produzir quase toda a energia que consumirá depois de pronto. Para isso, o prédio contará com energia solar, sistema de refrigeração por água e turbinas que gerarão energia a partir do vento. O edifício foi desenhado com uma curvatura especial, que deve aumentar a velocidade do vento para alimentar turbinas de geração de eletricidade.

Além disso, a refrigeração por água fará com que mais energia e espaço sejam economizados, em comparação com sistemas de ar-condicionado tradicionais. O prédio também contará com sistemas automáticos para evitar desperdícios de energia. Segundo os arquitetos, a economia fará com os custos adicionais para construir o edifício verde sejam pagos em cinco anos. O edifício, que terá 71 andares, deve ser inaugurado no ano que vem.


Fonte:
Site Ache Tudo e Região

Quatro porquinhos páram o trânsito em Minas Gerais

Uma família de porquinhos deu trabalho para a Polícia Rodoviária Federal de Minas Gerais. Em uma das rodovias mais movimentadas de Belo Horizonte, a mãe e os três filhotes foram encontrados correndo de um lado para o outro parando o trânsito. Os animais foram "escoltados" pelos policiais até voltarem para a casa. A notícia é do programa "Fala Brasil", da TV Record. Confira o vídeo:

video

Saúde: Alérgicos e o drama da Primavera


Nem tudo é lindo em uma das estações mais fantásticas do ano: a Primavera. Ao menos para os alérgicos este é o período em que mais sofrem com as crises. Um dos motivos para aguçar ainda mais os sintomas, além do tempo que nesta época é bastante instável, é o ar repleto de pólen das flores. A enfermeira chefe, Fernanda Bovaroli Machado, do Posto de Saúde do Bairro Jardim Elizabete de Içara (SC), explica que muitos casos atendidos neste período são de pessoas que já são alérgicas, porém, acabam ficando mais frágeis por causa do clima diferenciado.

"Falta de ar, coceira, tosse seca, espirros, ardência nos olhos são alguns dos sintomas que encontramos nos atendimentos", explica a enfermeira. Fernanda conta que não existe uma idade onde a incidência dos casos são maiores, mas, as crianças são as que mais sofrem. "Com a falta de ar e a coceira na garganta elas acabam com problemas nas amígdalas e nos pulmões", ressalta a funcionária.

A enfermeira alerta aos pacientes que no caso dos sintomas persistirem que procurem um posto de saúde mais próximo para uma avaliação do clínico geral, que se for necessário o mesmo será encaminhado para um médico alergista, especialista no assunto. "Manter a casa sempre limpa e com ventilação, sem cortinas, tapetes, bichos de pelúcia, lavar sempre as mãos, podem ajudar a prevenir as crises", finaliza.

Cuidados:
Com o início da polinização de diversas plantas na primavera, que continua até o verão, muitas pessoas sofrem de alergia ao pólen. Ser alérgico é uma característica do indivíduo, pois o sistema imunológico reage de forma exagerada diante da presença dessa substância.

1) Mantenha as janelas da casa e do carro fechadas.
2) Ligue o ar condicionado.
3) Evite sair cedo, porque entre 5h e 10h a polinização é maior.
4) Evite sair nos dias de muito vento.
5) Evite cortar a grama e mantenha-se afastada da mesma.
6) Não limpe pisos de áreas externas. Se tiver que fazer isso, coloque óculos e máscara de uso médico.
7) Não pendure lençóis, toalhas ou roupa ao ar livre, já que o pólen adere ao tecido.
8) Consulte um médico, porque existem tratamentos modernos com métodos de hiposensibilização, inalação de cortisona e antialérgicos de última geração.
9) Informe-se se na sua cidade existe um serviço que divulgue em jornais ou rádios dados sobre os níveis diários de polinização. Assim, você poderá programar o seu dia.


Sintomas para identificar a alergia:
- Congestão ou coceira nasal e ocular.
- Espirros.
- Aumento da secreção nasal.
- Alterações do sono e da voz.
- Irritabilidade.
- Redução da concentração.
- Redução do olfato e do paladar.



Fonte:
Site Bem Simples

Coluna no Jornal Agora de Içara fala sobre violência contra animais


A edição desta sexta-feira (23) do Jornal Agora, de Içara (SC), a coluna do Blog Onda Verde mostrou a foto do cãozinho "Malukinho" que foi agredido na última semana por um marginal e acabou perdendo seu olho por causa dos ferimentos. Até quando vamos ter que ver casos como estes e simplesmente virarmos o rosto para o outro lado? Isso é crime e a lei pune quem o comete. Então, quando se deparar com situações como estas denuncie sempre! Faça a sua parte! A natureza e os animais agradecem!

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Empresa Anjo Química de Criciúma lança nova campanha ecológica


A Anjo Tintas e Solventes está com nova campanha ecológica no mercado, é a promoção Pintar com Anjo = Mais Árvores na Natureza. Essa campanha ratifica a missão da empresa que é estar em harmonia com o ser humano e o meio ambiente e é uma forma de envolver os clientes no cuidado com a natureza através de plantio de árvores.

Os clientes que comprarem Tinta Emborrachada Anjo e Tinta Acrílica Nobre ganharão Ecokits e expositor. Os Ecokits são pequenas caixas com vasos de fibra de coco e sementes de ipê branco. O expositor é feito de lascas de madeiras reaproveitadas para ser colocado no balcão das lojas incentivando as vendas dessas tintas.

Segundo o diretor de marketing, Vaty Colombo, o ipê branco é uma árvore da mata atlântica brasileira que está ameaçada de extinção, por isso foi escolhido para esta campanha ecológica que está sendo realizada em parceria com clientes e consumidores, pois são estes que vão plantar as árvores. “Além de investir no meio ambiente, queremos despertar a consciência ecológica de nossos clientes e dos consumidores finais das tintas Anjo”, destaca.

O resultado dessa iniciativa da Anjo, para o meio ambiente, pode chegar a 6 mil ipês brancos plantados. A Anjo Tintas e Solventes faz parte do programa Amigo da Natureza, em parceria com o instituto Iniciativa Verde, colaborando com o plantio de árvores na mata atlântica brasileira. E essa campanha é mais uma ação do projeto de sustentabilidade da empresa.


Fonte:
Site Içara News
Assessoria de Imprensa Anjo Química

Mostra de bambu mostra o uso e utilidades da planta no Museu da Unesc


O Museu Universitário do Extremo Sul Catarinense (Muesc) está com a exposição “Bambu – usos e utilidades” na Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc). Para quem quiser conferir, os artefatos estão em frente a biblioteca da universidade. O horário da mostra é das 8 às 22 horas.

Projetos da Unesc sobre resíduos sólidos serão apresentados em evento em Caxias (RS)

A Unesc vai participar, a partir desta quinta-feira (22), do 3º Seminário Regional Sul de Resíduos Sólidos, na UCS (Universidade de Caxias do Sul), em Caxias, RS. A instituição vai ser representada por professores de Engenharia Ambiental, acadêmicos e profissionais que atuam no setor de Projetos Ambientais do IPAT. Na oportunidade, serão apresentados sete trabalhos relacionados à gestão de resíduos sólidos, saneamento ambiental, gestão de resíduos de construção civil, coleta seletiva em condomínios e coleta seletiva com inclusão social de catadores. O evento vai reunir pesquisadores e profissionais da área de todo o país.


Fonte:
Assessoria de Imprensa (Zeca Virtuoso)

Iguanas e tartaruga são enviadas por Sedex


Após a apreensão de aranhas que foram transportadas por Sedex, oito iguanas (foto ao lado) e uma tartaruga (foto acima) foram apreendidas em cinco embalagens do mesmo serviço, em uma agência dos Correios na Vila Leopoldina, na zona oeste de São Paulo, no final da tarde de terça-feira. Os animais seriam transportados de São Paulo para Minas Gerais e Campinas.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP-SP), a descoberta aconteceu quando as caixas passaram em uma máquina de raio-x. As iguanas estavam dentro de embalagens grandes e a tartaruga, em uma caixa pequena. Uma das iguanas estava morta.

Os animais que estavam vivos foram apreendidos e levados ao Parque Ecológico do Tietê. A embalagem será periciada no Instituto de Criminalística (IC). O caso foi registrado na 1ª Delegacia de Investigações de Infrações do Ambiente de Trabalho. Foi instaurado inquérito policial e o caso será investigado.


Fonte:
Site Ache Tudo sobre Sua Região
Fotos meramente ilustrativas

Avenida dos Imigrantes vira novamente depósito de lixo em Criciúma


A denúncia é de um de nossos leitores que ficou revoltado com uma situação que volta a se repetir em Criciúma. Novamente algumas pessoas "inconscientes e imprudentes" estão depositando lixo e entulhos às margens da Avenida dos Imigrantes Poloneses (foto acima). Há pouco tempo, por orientação da Fundação do Meio Ambiente (FATMA), foi buscada uma solução para o local, quando foi realizado o aterro do material anteriormente lá depositado.

"Agora, passando diariamente por lá, novos 'montes' de lixo estão se formando. Deixaremos tais montes virar outra montanha para novamente aterrar a área? Lembro que o local é inadequado a disposição de resíduos, bem como a própria forma deposição dos mesmos, segundo as exigências estabeleciadas nas normas ambientais vigentes", completa o engenheiro agrônomo, James Polz, que nos remeteu as fotos e a denúncia.

Fica então aqui a insatisfação do Blog Onda Verde com tal caso e esperamos que as autoridades competentes tomem as devidas providências para coibir tais absurdos. Poluir a terra é o mesmo que estar jogando um saco de lixo na água, ou emitindo gás nocívo no ar. Com o chorume que estes materiais depositam na terra, o veneno vai até os lençóis de água e desta maneira acaba poluíndo as águas que serão consumidas por todos nós.


Fonte: James Polz, engenheiro Agrônomo, MSc. CREA/SC 31538-4

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Usuários de água na região devem se cadastrar até o dia 20 de janeiro

A população usuária de água da região deve se cadastrar até o dia 20 de janeiro de 2010 para assegurar seu acesso. O Cadastro de Usuários de Água das bacias hidrográficas dos rios Araranguá e Urussanga foi lançado ontem, em evento na sede da Amrec, estando disponível no endereço www.aguas.sc.gov.br. A iniciativa foi promovida pela SDS (Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável), juntamente com os comitês de gerenciamento das bacias, com apoio do Projeto Piava Sul, que é coordenado pela Unesc e objetiva capacitar os representantes dos dois comitês.

Devem regularizar a situação como usuário todos os prestadores de serviços de saneamento urbano, as indústrias, as mineradoras, os aquicultores e demais usos rurais, que captam água ou lançam efluentes nos rios, reservatórios e lagos de domínio do Estado. A regularização vai contribuir na identificação e organização dos diversos usos da água para tornar mais eficiente a gestão dos recursos hídricos nas bacias hidrográficas.

sábado, 17 de outubro de 2009

Clima: Começa neste domingo (18) o Horário de Verão

Acertem seus ponteiros. Começa neste domingo (18) o Horário de Verão brasileiro. A partir da meia-noite não esqueçam que terão que adiantar o horário de seus relógios para uma hora, e não atrasarem como muitos se confundem. Mas, o clima não está ajudando muito. A previsão para este domingo é de frio e chuva fina (garoa). Depois falam de "aquecimento global". Do jeito que estão indo as coisas estamos é vivendo a "Era do Gelo".

"Cãominhada" alerta para cuidados com animais em Içara


Cerca de 150 pessoas, e um número ainda maior de cães, participaram na manhã deste sábado, 17 de outubro da Caminhada pela Posse Responsável, numa ação de conscientização para os proprietários de animais através do Projeto Cão Amigo, da Prefeitura Municipal.A atividade também já contou pontos para a gincana Verão Mais, pois as equipes de funcionários é que se responsabilizaram de atrair o público para participar.

Além de cadastrar e colorir, donos e bichos de estimação, com as cores de cada equipe, os grupos com mais membros já somavam pontos na gincana. A "cãominhda" que iniciou em frente à loja SOS Animal, passou pela Marcos Rovaris e finalizou no palco da Praça da Juventude, com apresentação teatral, premiação para os animais e informações sobre a importância da posse responsável e qualidade de vida dos animais de estimação.

Quer ver mais imagens do evento, clique aqui!

Por,
Paula Leitão
Jornalista e Colaboradora do Blog
Fonte: Site Içara News

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Cão é agredido e perde olho deixando moradores revoltados no Balneário Rincão


Malukinho, o cão da foto, foi adotado por moradores da zona sul do Balneário Rincão e ganhou esse nome pelo comportamento brincalhão. Nesta semana, foi agredido por um dos vizinhos e perdeu o olho direito. "Não foi um acidente, foi uma agressão a um animal indefeso, uma covardia”, protesta o morador Adriano Scotti. “Maltratar animais é crime e por isso estamos investigando a identidade do agressor para registrar um boletim de ocorrência.”

Comentário do Blog: É um ato tão repugnante que nos deixa perplexos. Como pode alguém ser capaz de uma brutalidade como esta contra um ser vivo indefeso? O que leva um cidadão a cometer tal crime? Por prazer? Esperamos que os moradores do Balneário Rincão, de Içara, consigam localizar este monstro e fazer com que a Lei seja cumprida contra este marginal. E que o Malukinho possa se recuperar o mais breve possível desta agressão.


Fonte:
Site Engeplus
(Fotos/colaboração: Adriano Scotti)

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Blog Onda Verde conquista 5 mil acessos em um mês

Para um Blog que fala unicamente de assuntos do Meio Ambiente um número como este deve ser comemorado. Isso é sinal de que mais de mil acessos são realizados todas as semanas por pessoas que buscam informações sobre um tema que está sempre em evidência, porém nem todos ainda têm o costume de saber mais sobre estas notícias. Toda a equipe do Blog Onda Verde, que sofreu um plágio no último mês de setembro, fica muito orgulhosa em contar com sua parceria. E este número de mais de cinco (05) mil acessos deve a você nosso leitor. Para que possamos continuar seguindo no caminho do sucesso contamos com a sua colaboração. Nos remeta E-mails com sugestões, críticas, assuntos que gostaría de ler em nosso Blog, e também nos siga no Twitter (@Onda_Verde) que sempre iremos lhes manter informados sobre tudo o que tange o Meio Ambiente. Obrigada a todos!


Por,
Maíra Rabassa
Jornalista SC 1886
Editora do Blog

Inverno termina com recordes de chuva no centro e sul do Brasil

O inverno é a estação mais seca do ano em boa parte do Brasil, no entanto, este ano foram registradas chuvas acima da média em boa parte do centro e sul do país. Segundo os meteorologistas da Somar, o oeste de Santa Catarina e o sudoeste do Paraná foram os recordistas, com 500mm a mais que o normal para época (foram 1500mm em três meses).

De uma forma geral, o acumulado ultrapassou entre 300mm e 400mm no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e São Paulo. Em Mato Grosso do Sul, o desvio, oscilou entre 200mm e 300mm, especialmente no leste do Estado. No Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Goiás, Distrito Federal e Mato Grosso, as frentes frias geraram volumes em torno dos 100mm acima do normal.

No Norte, os extremos foram registrados em áreas muito próximas. Enquanto houve excesso de chuvas no oeste do Amazonas, com volumes em torno dos 250mm acima da média; áreas do noroeste do Amazonas ficaram muito secas, com acumulados de até 400mm abaixo do normal. No Nordeste, áreas de instabilidade conhecidas como Ondas de Leste foram mais ativas que o normal, fazendo com que a estação terminasse com excesso de chuvas em boa parte do norte e oeste da Região.

Temperaturas
Com relação à mínima (registrada durante as madrugada), boa parte do Brasil teve um inverno menos frio que o normal. Apenas o Rio Grande do Sul, Santa Catarina e o sul do Paraná receberam frio de forma mais frequente, fazendo com que a estação terminasse com valores próximos da média. Já com relação à temperatura máxima, o excesso de nuvens e chuva fez com que as tardes fossem mais frias que o normal, especialmente na Região Sul.


Fonte:
Site Tempo Agora - Uol
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...